As aventuras de uma balzac teenager

Sinta-se em casa!

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Edição extraordinária

Não consigo dormir. E se tem uma coisa que eu NUNCA tenho é insônia.
Mas dessa vez é diferente... Algumas palavras entram na minha cabeça e preciso escrevê-las...
Tem gente que chama de intuição, anjinho, diabinho, encosto, mentores espirituais, esquizofrenia...
Seja lá o que for, preciso escrever...
Então, lá vai...

Só quem luta pela vida sabe o real valor dela. E entende que pequenos milagres fazem grande diferença.
Todo mundo tem problema, não tem como fugir. Mas alimentar um sofrimento passageiro é opcional.
Algumas soluções rápidas acarretam desastres no futuro.
Nenhuma atitude é correta se contraria o princípio da vida e do amor.
Nada na vida acontece com um único propósito. Os elos entre os acontecimentos são infinitos.
O amor sempre vence no final. Qualquer atitude fora desse caminho faz a estrada ser mais longa e cansativa, até você encontrar o rumo certo novamente.

Pronto. Agora espero conseguir dormir.
Bizusssssssssssssssssssssssssssssssss

3 comentários:

Tati disse...

O amor sempre vence no final..
viu?
beijos!!
Bom dia!!

Fabi disse...

Daniiii, pra variar amei!!!! Bizzzussssssss e que você tenha sempre bons sonhos e boas inspirações pra alegrar o dia da agente! Adooro!

Carneirinho disse...

Não importa se: enviados, sussurrados, decodificados, canalizados... o que importa é passar o que se sente, seja na escrita, no chamego, no olhar, no silêncio, no mais profundo e envolvente amor, na forma infinita de bênçãos que surge através da doçura, da firmeza, da gentileza, do encantamento pela vida e pelo dom de viver.
Todo amor pra você,
todo amor pra mim,
todo amor pra nós!!

Amo-te \o/